sábado, 1 de fevereiro de 2014

Em 2014

Tá, rolou o tão esperado beijo gay numa novela da Globo. E daí?!? O que mudou?!? Que paradigmas foram quebrados?!? Qualquer pessoa que tem um mínimo de vida noturna numa grande cidade brasileira já viu inúmeros beijos gays, masculinos e femininos. O carnaval vem aí!!!! Pra quem ainda não viu, basta olhar para o lado que verá!!! Daí me pergunto: por que tanto alarde?!? Não quero assumir qualquer posição que possa me rotular como reacionário (como diria um ex-BBB deputado) ou homofóbico, mas se é algo tão natural, por que toda essa expectativa?!?

A verdade - que está saindo regada por uma quantidade considerável de cerveja - é que acho tudo isso uma grande palhaçada!!! Parece algo semelhante ao que fazem os movimentos afro-descendentes (não posso falar negros!!!). Coisa mais absurda foi a criação de uma revista (já extinta, eu acho) chamada "Raça". Quem quer igualdade não pode segmentar!!! Por que não lutar por espaço maior para modelos negras(os) no mercado ao invés de criar uma revista só para esse grupo?!? Que bom que não durou.

Tenho parentes, amigos, conhecidos e vizinhos gays. O que cada um faz na sua intimidade não me importa nem me diz respeito. Por isso, sinto-me tão à vontade para falar sobre esta e muitas outras "causas". E, afinal, o que cada um de nós tem a ver com a vida pessoal ou sexual do próximo?!?!? Será que é tão difícil viver a sua própria vida sem se importar com a dos demais?!? Que cada um possa viver a sua verdade e respeite a os demais. Seria bem mais simples, não é?!?

Abaixo, um vídeo que não tem qualquer relação com o assunto, mas que ouvi inúmeras vezes enquanto escrevia o texto, só porque gosto da música mesmo.



13 comentários:

  1. Concordo com vc em tudo, só acho que esse alarde é por causa que mesmo sendo normal e inofensivo, um beijo gay nunca tinha sido mostrado! De certa forma era um Tabu bem bobo.

    http://putariacarioca.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca foi mostrado em novela, mas nos reality shows é o q mais tem!

      Excluir
  2. Tudo se resume nesta tua frase ... "" Quem quer igualdade não pode segmentar "" !!

    Apoiado o/

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Oi Fábio, adorei o texto e sabe o que vim fazer aqui?
    Fazer o certo, te enviar o convite certo e é esse:
    Tenho o enorme prazer em convidar a todos vocês blogueiros para a votação do top Blogueiro na Ilha da Lindalva e sua presença dará um brilho especial a essa interação blogueira, cujo o verdadeiro sentido é não deixar fenecer a blogosfera. Conheçam todos os blogs participantes antes de votarem.
    O meu blog tbm esta participando entre outros. Mas convido a todos a entrar e interagir com todos os blogs, e votarem no que mais lhes agradarem...e não na amizade.Fiquem a vontade.
    Conto com a colaboração de todos vcs amigos blogueiros.

    http://anos-da-ilha.blogspot.com.br/
    e quanto ao texto que amei sabe o que deveríamos fazer é parar de rotular (Beijo Gay?)Isso não é beijo gay é beijo entre dois seres humanos que se amam e ponto.

    Bjsss e obrigada pela compreensão.

    ResponderExcluir
  5. Mas que é que a maioria das pessoas que assistem novela, vivem num mundinho totalmente fora da realidade... então para eles, é uma revolução da sociedade...

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. O vai continuar a existir, mas nem tudo é preconceito.

      Excluir
  7. Não sei o que mudou, se mudou para o bem ou para o mau, mas eu imagino o que deve ter passado pela cabeça das crianças que ficaram acordadas até tarde e viram esse beijo entre dois Homens. Não que eu tenha preconceito, afinal tenho muitos amigos e amigas gay, mas acho que a sociedade não está preparada para isso, moro na Zona Norte de São Paulo em um bairro familiar e passo os fins de semana no Centro na casa da sogra e posso afirmar que são mundos completamente diferentes...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc, mas convenhamos q não era hora de criança tá acordada vendo novela, né?!? rsrsrs

      Excluir
  8. é natural pra mim, que fui criada com familiares homossexuais e nunca me foi passado que isso é errado... mas eu boto fé que a maior parte dos 'padrões aceitáveis' está na televisão, pois infelizmente (ou não), ainda é o maior veículo de informações, especialmente pras pessoas que não tem/não acessam internet. mesmo os que tem, acabam assistindo e enfim... muitos são manipulados.

    "Por que não lutar por espaço maior para modelos negras(os) no mercado ao invés de criar uma revista só para esse grupo?!?"

    exatamente. aí eu concordo com você.

    quando a gente vê só o loirinho no papel principal e o negro como mero figurante/empregado, eu creio sim que isso faça com que a menininha negra na escola, por exemplo, se sinta excluída diante da coleguinha loira, quando falam "eu sou essa, na novela". falo isso porque eu, com 19 anos, brincava dessas coisas na escola e nunca me identificava com ninguém.

    com a homossexualidade, realmente esse beijo não destruiu preconceitos, mas significou o início de uma mudança a longo prazo.

    seria um sonho se todo mundo frequentasse a rua augusta e visse isso como algo natural! enquanto isso não acontece, é bom que seja mostrado, aos poucos, nos veículos de informação, que isso é tão normal quanto comer arroz no almoço.


    www.pe-dri-nha.blogspot.com

    ResponderExcluir