segunda-feira, 25 de abril de 2011

Página virada



A idade, ou melhor, a maturidade tem me tornado cada vez mais seletivo.

Já houve época em que assistir à Tela Quente era uma boa opção para o começo da semana, um refresco para a sempre amarga segunda-feira. Mas a expansão da tv a cabo e o comércio ilegal de DVDs tornaram cada mais difícil a tarefa da trazer algo inédito e interessante para o telespectador. Por incrível que pareça, as comédias de pouco sucesso e nenhum reconhecimento são as que ainda atraem minha atenção. Mas só dou uma chance até o final da primeira parte, se não conseguir me prender, mudo para o CQC.

Livros ruins são algo de que também consegui me desapegar. Antigamente, por pior que fosse a obra, não abria mão de chegar ao final. Era uma questão de honra! Como um grande desafio a ser superado. O livro não poderia me vencer! Sem falar na mania idiota de ler a última linha do texto antes de qualquer coisa. E como perdi meu tempo com porcaria... Hoje em dia, se depois de três capítulos ou umas trinta páginas não rolar uma "química", é página virada. Afinal, há muitas boas obras esperando para serem lidas.

Meu próximo passo deverá ser selecionar as amizades. Corro o risco da solidão???

Um comentário:

  1. Achei seu blog mt interessant e estou seguindo-o!

    qnd tiver um tempinho, de uma passadinha no meu?


    bjooos

    http://cabecafeminina.blogspot.com/

    ResponderExcluir